Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Eu me pus como cabo eleitoral’, diz Marta

Equipe BR Político

A ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy diz ter ficado muito honrada com os elogios e acenos positivos do ex-presidente Lula para que ela se reacomode no PT, mas afirma que não tem interesse em disputar cargos, especialmente o de prefeita da Capital paulista, como vem sendo cotada. “Ser candidata não é o meu propósito. Meu propósito é ajudar. Estou numa situação privilegiada. Eu não tenho o desejo de (disputar cargos). Não vou brigar para ser isso ou aquilo. Não estava no meu radar. Meu radar é criar uma frente forte, mesmo porque acho que estamos correndo risco sério”, afirmou ela na noite de segunda, 25, após participar do jantar de final de ano do grupo Prerrogativas, que reuniu mais de 300 advogados e lideranças de centro-esquerda em uma churrascaria, em São Paulo, informa o Estadão.

Principal assunto nas mesas do recinto, Marta reafirmou que seu papel é de “cabo eleitoral”. “Eu fiquei muito honrada com a fala do Lula e estou imersa na atividade da frente ampla. Acho que é ela que tem a possibilidade de dar uma resposta ao retrocesso no processo civilizatório. Eu me pus como cabo eleitoral.”

Tudo o que sabemos sobre:

marta suplicyPTeleições