Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Excludente de ilicitude deve ser derrotado nesta quarta

Gustavo Zucchi

Ficou para a próxima quarta-feira, 25, a sessão do grupo de trabalho que analisa o pacote anticrime que deliberará sobre o excludente de ilicitude para PMs que matarem em serviço. Até mesmo o relator do projeto, Capitão Augusto (PL-SP), já admite que os dois artigos que tratam do tema devem ser enterrados pelos deputados no relatório final do grupo.

Deputado federal Capitão Augusto (PL-SP), relator do pacote anticrime no grupo de trabalho da Câmara

Deputado federal Capitão Augusto (PL-SP). Foto: Reprodução/Facebook

Só que o trecho deverá ganhar um último sopro de vida se o texto chegar ao plenário. Esteve presente na sessão desta terça-feira o líder do governo na Câmara, Major Vítor Hugo (PSL-GO), que avisou que o PSL irá tentar votar a íntegra do projeto de Sérgio Moro. Por sua vez, o deputado Capitão Augusto disse que a Frente Parlamentar de Segurança também tentará reverter as derrotas do grupo de trabalho no plenário.