Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Caixa pede à Justiça falência da Odebrecht

Equipe BR Político

Uma das maiores credoras da Odebrecht, a Caixa Econômica Federal pediu à Justiça nesta quinta, 3, a falência da empreiteira. O banco também quer que o juiz permita aos credores nomear novos administradores para o conglomerado e suas subsidiárias em uma assembleia, informa o Estadão a partir de informação adiantada pela agência Reuters.

Sede da Odebrecht em São Paulo.

Sede da Odebrecht em São Paulo. Foto: Paulo Whitaker/Reuters

A Odebrecht pediu recuperação judicial em junho, envolvendo dívidas de cerca de R$ 51 bilhões. A Caixa tem sido um de seus credores mais duros, tendo precipitado a recuperação judicial do grupo. Já a holding Odebrecht, com 21 empresas controladas, tem dívidas no valor de R$ 98,5 bilhões, diz O Globo.

Em Brasília, o secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia, Salim Mattar, apontou, segundo informa o Estadão, que os bancos públicos brasileiros emprestaram R$ 27 bilhões para a empreiteira. “Deve o Estado ter banco para tomar cano de R$ 27 bilhões? Esses R$ 27 bi emprestados para a Odebrecht poderiam ter sido melhor investidos, em escolas, hospitais e armamento para as polícias”, comentou.