Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Festa modesta sem imposto sindical

Vera Magalhães

O fim do imposto sindical colocou água no chope das festas do Dia do Trabalho. A primeira comemoração com a reforma trabalhista em vigor reduziu de R$ 2,5 milhões para R$ 500 mil, por exemplo, o evento da Força Sindical, mostra reportagem do Estadão.

A CUT, que já não apostava no modelo de shows e sorteios da rival, vai concentrar seus recursos em eventos de protesto contra a prisão de Lula.