Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

FHC: ‘Difícil entender tanta troca de ministros’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso criticou o troca-troca de ministros do governo Bolsonaro nas redes sociais nesta quinta-feira, 2, em que o País completa 48 dias sem um ministro da Saúde e tem lacuna também no Ministério da Educação. “Difícil entender tanta troca de ministros: Saúde e Educação. Salvar vidas e educar leva tempo. Inclusão, não exclusão. Com tanta gente capaz, como errar tanto? Falta rumo e onde havia, na economia, o vírus impede o rigor fiscal. Assim não dá certo, nem mesmo sem oposição…” 

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso Foto: Leo Martins/Estadão

Na manhã desta quinta, depois do fim do imbróglio com Carlos Alberto Decotelli, nomeado para substituir Abraham Weintraub na Educação com sua demissão, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que nome de novo ministro para a Pasta “talvez” saia hoje. A gestão do ministério, que já havia sido trocada anteriormente, é uma das mais criticadas na gestão Bolsonaro, que observou uma estagnação nos indicadores e paralisia de ações na área.