Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

FHC: uso da força na Venezuela teria ‘custo elevado’

Vera Magalhães

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse neste sábado que tentar resolver a crise na Venezuela pelo uso da força teria um “custo muito elevado”, e o Brasil precisa refletir antes de pensar em adotar uma saída dessa natureza. “Não creio que seja o melhor caminho uma intervenção militar na Venezuela. Há muitas coisas em jogo, não apenas um equilíbrio de forças abstrato”, afirmou.

Ele disse que discussões teóricas sobre o restabelecimento da democracia na Venezuela não levam em conta que “existe um povo” no País. Para o tucano, existem alinhamentos “complexos” de países: de um lado, Rússia e China dão suporte ao regime de Nicolás Maduro. De outro, o bloco de países que pressiona pela saída do presidente venezuelano. “Conheci muito Chávez. Era muito impulsivo. Toda vez que me chamava ‘meu mestre’, eu dizia: ‘Por favor, não diga isso”, afirmou. Para ele, a Venezuela hoje é um País perdido, sem saber para onde vai caminhar. “Qual é o sonho latino-americano? Há um sonho em comum? Se existir, temos de buscá-lo. Mas neste momento há a perda de um sentimento de que temos algo em comum.” / Vera Magalhães