Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Fica claro que Sabará não é candidato do Novo, mas de si mesmo’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Candidato ao cargo de vereador pelo Novo Matheus Hector criticou seu colega de partido, Filipe Sabará, por entrar na Justiça para continuar candidato à prefeitura de São Paulo na capital. “Fica claro que ele é não o candidato do Novo – ele é candidato de si mesmo. O resultado? Trapalhadas com Maluf e Bolsonaro para pontuar 0,3% na pesquisa.”, disse Hector em seu Twitter. “Ridículo e ilegítimo”, completou.

Filipe Sabará, que venceu o processo seletivo do partido para ser candidato, teve sua filiação suspensa pelo Conselho de Ética da sigla por “incongruências no currículo”. Entretanto, ele conseguiu uma decisão do TSE em caráter liminar permitindo fazer campanha até que a Corte julgue o mérito de um mandado de segurança.  Sabará, inclusive, deverá estar representando a sigla no primeiro debate entre os candidatos à Prefeitura de São Paulo, nesta quinta-feira.

Tudo o que sabemos sobre:

NovoFilipe SabaráMatheus Hector