Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

FNP condena participação de Bolsonaro em ato no domingo

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

A Frente Nacional de Prefeitos (FNP) criticou a participação do presidente Jair Bolsonaro em ato que pedia a intervenção militar e o fechamento do Congresso e STF no domingo, 19, em nota emitida nesta segunda, 20. “O presidente da República tem um papel que não pode tergiversar sobre a democracia. Nem mesmo na caserna há lugar para flertar com a ditadura militar, sob pena de o capitão perder seu cargo para um general”, diz a nota que classificou o episódio como “lastimável”.

“Está na hora de instituir o gabinete da esperança, o gabinete da federação, o gabinete do Brasil, porque o ódio está levando o País para um cenário ainda mais sombrio, que já traz constrangimentos até às Forças Armadas e ridiculariza o País internacionalmente”, segue a manifestação. No domingo, o Fórum Nacional dos Governadores também divulgou uma carta criticando o presidente e declarando apoio aos presidentes do Senado e Câmara, Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia. 

Depois de críticas de diversos setores à sua participação no ato, na manhã desta segunda o presidente disse defender a democracia e a Constituição em frente ao Palácio da Alvorada e rechaçou a possibilidade de fechamento do Congresso e STF.

“É lastimável que em meio a milhares de velórios trágicos e rápidos, o iminente colapso do sistema de saúde e a incerteza diante da pandemia que apavora, o Brasil siga esse torpe caminho, siga nessa encruzilhada”, finaliza a nota da frente de prefeitos.

Tudo o que sabemos sobre:

FNPJair Bolsonaroatomanifestação