Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

FPA quer ‘pisar fundo’ com o governo

Equipe BR Político

Depois de se reunir com o presidente Jair Bolsonaro na manhã desta quarta-feira, 12, o líder da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado Alceu Moreira (MDB-RS), afirmou que o governo demonstra maior “sintonia” após o primeiro ano de gestão e, agora, “encontrou o caminho”. “Vamos pisar fundo”, disse. Nesta manhã, em um movimento para se reaproximar da bancada ruralista, o presidente Bolsonaro ofereceu um café da manhã a integrantes da FPA. Moreira diz, no entanto, que a bancada, formada por mais de 250 parlamentares, não compõe necessariamente a base do governo.

O líder da Frente Parlamentar da Agropecuária, deputado Alceu Moreira

O líder da Frente Parlamentar da Agropecuária, deputado Alceu Moreira Foto: Cleia Viana/Agência Câmara

Também participaram do encontro os ministros Tereza Cristina (Agricultura), Luiz Eduardo Ramos (Secretaria de Governo) e Onyx Lorenzoni (Casa Civil). Eles trataram de questões como endividamento rural, demarcação de terras indígenas e tecnologia no campo. O líder da FPA afirmou que no encontro, o grupo pediu mais recursos para o setor, principalmente nas áreas de pesquisa, defesa e assistência técnica.

Moreira disse que o presidente não se comprometeu a encaminhar pautas específicas ao Legislativo, mas que a criação do Conselho da Amazônia, formalizada ontem, pode ajudar a viabilizar uma “gestão legalizada” da região. O deputado falou sobre o assunto ao tratar do projeto que regulariza atividades exploratórias, como o garimpo, em áreas protegidas. De acordo com Moreira, Bolsonaro pediu apoio para o texto no Congresso, segundo o Broadcast Político.