Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

França chama caso de tesoureiro de ‘picuinha’

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Ao ser questionado sobre o fato de o contador Jânio Francisco Benith, tesoureiro de sua campanha, ser alvo de processo administrativo do banco de fomento estadual Desenvolve SP sob a acusação de ter recebido salário sem trabalhar enquanto era o governador do Estado, o candidato Márcio França (PSB) afirmou em debate do Estadão, nesta manhã de terça, 10, que se trata de fake news inventada pelo governador João Doria (PSDB), se mostrou indignado com a pergunta, dizendo que a população paulistana está mais interessada em saber outros problemas da Capital do que suas posições diante de irregularidades, e finalizou classificando a investigação de “picuinha”.

“Incrível como as notícias acabam criando corpo. Todo mundo entra na do Doria, que tem capacidade de produzir fake news. Essa pessoa que você falou foi indicado pelo sindicato dos contabilistas. Eu disse e vou repetir: as pessoas que trabalham comigo são idôneas. Se houvesse algo ilegal, por que não entraram com ação, porque deixaram com processo administrativo? Não é possível que a imprensa ache que esse é o tipo de coisa que as pessoas precisam saber.”

 

Tudo o que sabemos sobre:

marcio françapicuinhatesoureiro