Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Gilmar diz que 60 milhões de votos não autorizam Bolsonaro a descumprir Constituição

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Na avaliação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, certas vezes, falta ao presidente Jair Bolsonaro a compreensão de que ele foi eleito em uma democracia constitucional. “O fato de o presidente ter tido quase 60 milhões de votos não o autoriza a descumprir a Constituição”, afirmou, em entrevista à Globonews na noite de domingo, 31.

O ministro do STF Gilmar Mendes

O ministro do STF Gilmar Mendes Foto: Dida Sampaio/Estadão

Gilmar disse ainda que, pessoalmente, já disse a Bolsonaro que achava equivocada a participação dele em manifestações antidemocráticas. Durante a entrevista, o ministro ainda cobrou que parlamentares que defendem atos antidemocráticos, em que são pedidos o fechamento do Congresso e do STF, devem ser responsabilizados.

“É chegada a hora de um diálogo mais sério e enfático sobre a responsabilização de atores que são parlamentares que defendem o fechamento do Congresso, do Supremo e a supressão da democracia”, afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:

gilmar mendesJair Bolsonaro