Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Gilmar: ‘Moro era chefe, Deltan, um bobinho’

Equipe BR Político

O ministro Gilmar Mendes aproveitou para criticar a postura de Sérgio Moro e Deltan Dallagnol nas mensagens vazadas pelo site The Intercept Brasil no último domingo. Para o magistrado do STF, os vazamentos mostram que “Moro era o chefe da Lava Jato” e que o procurador era “um bobinho”. “O chefe da Lava-Jato não era ninguém mais, ninguém menos do que Moro. O Dallagnol, está provado, é um bobinho. É um bobinho. Quem operava a Lava-Jato era o Moro”, disse Mendes, em entrevista à revista Época. Mendes foi além: disse também que viu um crime na relação entre o então juiz e Dallagnol e que “eles anularam a condenação do Lula”.

“Simular uma denúncia não é só falta de ética. É crime”, disse Gilmar. “Um diz que, para levar uma pessoa para depor, eles iriam simular uma denúncia anônima. Aí o Moro diz: ‘Formaliza isso’. Isso é crime”, completou.

Tudo o que sabemos sobre:

gilmar mendessergio moroDeltan Dallagnol