Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Gilmar solta Paulo Preto

Gustavo Zucchi

Gilmar Mendes soltou mais um. Desta vez quem se livrou do xadrez pelas mãos do ministro do STF foi Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, apontado como operador do PSDB. Ele é suspeito de coagir uma mulher acusada no processo que investiga desvio de recursos de R$ 7,7 milhões da Dersa.

“Defiro a medida liminar para suspender a eficácia do decreto de prisão preventiva de Paulo Vieira de Souza, o qual deverá ser posto em liberdade, se por outro motivo não estiver preso. Publique-se. Comunique-se, com urgência”, anotou Gilmar.

Tudo o que sabemos sobre:

paulo preto