Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Gilmar vai analisar pedido sobre abuso de autoridade

Equipe BR Político

O ministro do STF Gilmar Mendes foi sorteado pelo sistema eletrônico do Supremo para analisar a ação do partido Novo, que tenta reverter a votação simbólica na Câmara do projeto sobre abuso de autoridade. As informações são do Estadão. O PL foi aprovado na quarta-feira, 14, sem que fosse feita a votação nominal — ou seja, sem que fosse publicado como votou cada deputado. Na ação, o líder do Novo, Marcel Van Hattem (RS), pede a suspensão imediata da tramitação do PL, e a votação nominal da proposta.

Na quinta-feira, 15, Gilmar afirmou que o projeto de lei é um “remédio necessário”. “Eu não vi a última versão, mas a ideia é condizente com o equilíbrio das funções do estado de direito. Quem exerce o poder tende a dele abusar e é por isso que precisa ter remédio desse tipo”, afirmou o ministro. Gilmar também é conhecido por ser crítico da operação Lava Jato.

Tudo o que sabemos sobre:

gilmar mendesSTFabuso de autoridade