Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Gleisi já fala em possibilidade de ‘cassação de chapa’ de Bolsonaro

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

A simples menção à possibilidade de que recursos irregulares podem ter irrigado as contas de campanha do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, e repassados para a campanha de Jair Bolsonaro fez a presidente do PT, Gleisi Hoffmann, pensar em cassação da chapa presidencial. Um ex-assessor do ministro sugeriu que pode ter acontecido algo desse tipo, numa investigação que está sendo conduzida pela Polícia Federal sobre o suposto uso de laranjas na campanha do PSL mineiro.

Deputada federal Gleisi Hoffmann (PT-PR) discursa na Câmara

Gleisi Hoffmann. Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

“Estamos de olho nas investigações da PF sobre caixa 2 na campanha de Bolsonaro, que pode avançar para uma análise específica nas contas de campanha do ministro do Turismo. É mais uma alerta, se o crime ficar configurado é motivo para cassação de chapa”, escreveu Gleisi na sua conta do Twitter.