Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Gleisi sobre decisão do TRF-4: ‘É motim judicial?’

Equipe BR Político

A presidente nacional do PT, deputada Gleisi Hoffmann (PR), questionou a decisão unânime da 8ª Turma do TRF-4 de condenar o ex-presidente Lula no caso do sítio de Atibaia (SP) por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, ignorando decisão do STF de que réus delatados devem se manifestar nas alegações finais depois dos réus delatores. Os três desembargadores, João Pedro Gebran Neto, Leandro Paulsen e Carlos Eduardo Thompson Flores, aumentaram a pena do petista de 12 anos para 17 anos e um 1 de prisão, em regime fechado.

“É motim judicial?”, questionou a deputada. Ela questionou a alegação de Gebran e de Thompson de que o novo entendimento do STF só valeria para casos posteriores à decisão da Corte. “Gebran diz q STF devia decidir q ordem das alegações valeria p/ futuro; q juízes não advinham s/ novas regras; q ñ foi demonstrado prejuízo à defesa”, escreveu a petista no Twitter nesta noite de quarta, 27. “Assim, ñ devolveu o processo copi-cola e ainda propôs aumento de pena p/ Lula. Data maxima venia, bananan p/ a CF”, concluiu.