Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Governadores do Nordeste fazem carta com cobranças a Bolsonaro

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

Em carta sobre dos governadores de Estados do Nordeste nesta quarta-feira, 25, os dirigentes estaduais afirmam estar “frustrados” com o posicionamento agressivo do presidente Jair Bolsonaro e cobram atuação do governo federal para conter a crise. Segundo a carta, os Estados pactuaram que irão manter medidas preventivas de combate ao coronavírus. “Vamos continuar adotando medidas baseadas no que afirma a ciência seguindo orientação de profissionais de saúde, capacitados para lidar com a realidade atual”, diz o texto.

A carta critica indiretamente o pronunciamento de Bolsonaro. Na terça, o presidente pediu que Estados recuem nas medidas de contenção e atacou governadores e prefeitos, afirmando que “devem abandonar o conceito de terra arrasada”.

O presidente da Republica, Jair Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro Foto: Dida Sampaio/Estadão

“É um momento de união, de se esquecer diferenças políticas e partidárias. Acirramentos só farão prejudicar a gestão da crise”, diz o texto assinado pelos governadores, que pedem ações para a crise causada pelo surto de coronavírus. 

“Entendemos que cabe ao Governo Federal ação urgente voltada aos trabalhadores informais e autônomos. Agressões e brigas não salvarão o País. O Brasil precisa de responsabilidade e serenidade para encontrar soluções equilibradas. Ao mesmo tempo, solicitamos a necessidade urgente de uma coordenação e cooperação nacional para proteger empregos e a sobrevivência dos mais pobres.”

Tudo o que sabemos sobre:

governadoresNordestecartaJair Bolsonaro