por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Governo ainda no 0 a 0 no Congresso

Equipe BR Político

Nos três primeiros meses de administração, os ministérios de Jair Bolsonaro enviaram 16 proposições legislativas ao Congresso. Todas tramitam em ritmo lento e nenhuma foi aprovada, mostra levantamento do Estadão nesta segunda-feira. O número é um indicativo objetivo da falta de articulação política de Bolsonaro no Legislativo. O balanço inclui propostas de emenda à Constituição como a reforma da Previdência e medidas provisórias como a da reestruturação da Esplanada. Enquanto as propostas do Executivo empacam, deputados já impuseram duas derrotas ao presidente: a aprovação de um decreto legislativo sustando o decreto que ampliava o número de funcionários que poderiam determinar sigilo de documentos e a aprovação de uma PEC tornando o Orçamento mais impositivo.