Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Governo cancela status de refugiados de 3 paraguaios

Equipe BR Político

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, anunciou em seu Twitter nesta terça-feira, 23, que o governo federal cancelou o status de refugiados a três paraguaios que vivem no País. “O Brasil não será mais refúgio para estrangeiros acusados ou condenados por crimes comuns (o caso, extorsão mediante sequestro), seja de Battisti, Arrom, Martí ou de outros. A nova postura é de cooperação internacional e respeito a tratados. Aqui não é terra sem lei”, escreveu o ministro.

No Paraguai, Juan Arrom, Anuncio Martí e Víctor Colmán são acusados de terem sequestrado, em 2001, María Debernardi, esposa de um empresário. O status de refugiado foi concedido aos três em 2003. A publicação de Moro foi acompanhada de mensagem do presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, que comemorou a decisão: “Já é tempo de que eles retornem para prestar contas de seus atos diante da Justiça paraguaia”, escreveu.

Tudo o que sabemos sobre:

refugiadosParaguaisergio moroparaguaios