Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Governo cedendo antes da hora na reforma?

Marcelo de Moraes

O aceno feito por Jair Bolsonaro de que está disposto a reduzir a idade mínima de aposentadoria para mulheres na reforma da Previdência foi visto com cautela por defensores da proposta dentro do Congresso. É certo que o governo precisará abrir mão em alguns pontos para aprovar o projeto, mas a questão da idade mínima das mulheres ainda não estava na mesa de discussões.

Até agora, os parlamentares se queixavam dos pontos que tratavam da aposentadoria rural, do pagamento do Benefício de Prestação Continuada (BPC), da aposentadoria dos professores e do sistema de capitalização, além de cobrarem o envio da reforma dos militares. A questão da idade mínima poderia ser negociada bem mais para frente, se fosse o caso, avaliam esses aliados do presidente. Mas, agora, com o próprio Bolsonaro colocando o tema na mesa de discussões, fica difícil manter a proposta original sobre a idade mínima da aposentadoria das mulheres. /M.M.

Tudo o que sabemos sobre:

reforma da previdênciaBolsonaro