Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Governo exonera general que comandava Secretaria de Esporte

Marcelo de Moraes

O governo oficializou hoje a exoneração do general Marco Aurélio Costa Vieira do comando da Secretaria Especial do Esporte. A área está vinculada ao Ministério da Cidadania desde que deixou de ter status de ministério dentro da reorganização da estrutura do governo. O general Marco Aurélio não durou nem quatro meses na função. Ele foi o diretor-executivo de operações da Olimpíada do Rio, em 2016.

Nos bastidores, a saída do general teria sido sacramentada por uma disputa interna entre o grupo do ministro Osmar Terra com militares com influência na área. Assim, para ocupar o cargo existem conversas em torno da nomeação de João Manoel Santos Souza, filho do ex-senador João Alberto Souza, presidente do MDB maranhense, e colega de partido do ministro. Mas também se fala na entrada de outro militar, o general Décio Santos Brasil, que foi vice-chefe do Departamento de Educação e Cultura do Exército e comandou a 14ª Brigada de Infantaria Motorizada.