Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Governo fixa novas parcelas do auxílio emergencial em R$ 300

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta terça-feira, 1, que o governo vai fixar em R$ 300 as parcelas da prorrogação até dezembro do auxílio emergencial criado durante a pandemia da covid-19. O anúncio foi feito após encontro do presidente com líderes da base do governo no Congresso.

Foto: Reprodução/Youtube

“O valor definido agora há pouco é um pouco superior ao valor do salário mínimo, ou melhor, do Bolsa Família”, disse o presidente após ser corrigido. “Então, nós decidimos aqui, até atendendo a Economia, em cima da responsabilidade fiscal, fixá-lo em R$ 300”, disse Bolsonaro. As cinco parcelas do auxílio emergencial de R$ 600 acabaram em agosto.

Na sequência, o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que esse é o valor a que se pode chegar com os recursos disponíveis. Ele destacou que além do auxílio, é preciso pensar na retomada das reformas. “Estamos não só com os olhos na população brasileira a curto prazo, mas toda a classe brasileira pensando no futuro do País implementando as reformas”, disse Guedes.