Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Greve dos petroleiros no 4º dia

Equipe BR Político

Petroleiros de ao menos 12 Estados se mantêm nesta terça, 4, em greve desde sábado, informa a Federação Única dos Petroleiros (FUP). Uma das demandas é a suspensão do fechamento e das cerca de mil demissões na Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados (Fafen-PR), que fica Araucária, na região metropolitana de Curitiba. Segundo a entidade, a greve não afeta a produção de diesel, demais combustíveis e gás de cozinha para não prejudicar a população.

Navio Plataforma na Bacia de Santos

Navio Plataforma na Bacia de Santos Foto: Wilton Junior/Estadão

Em contrapartida, o ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Yves Gandra, decidiu que os sindicatos dos empregados da Petrobrás devem pagar diária de R$ 500 mil de multa se mantiverem a greve da categoria iniciada no último dia 1º. A decisão também obriga que 90% do efetivo esteja trabalhando nas unidades da estatal.

Segundo a decisão de Gandra, divulgada pela Petrobrás, a multa de R$ 500 mil foi estipulada para os sindicatos em que a base territorial possui mais de 2.000 empregados, o que se aplica apenas à FUP e aos Sindicatos do Norte Fluminense, Bahia e Espírito Santo. Outra multa, de R$ 250 mil, seria referente a sindicatos de porte menor, não especificados no documento, informa o Estadão.

Tudo o que sabemos sobre:

petroleirosFUPgrevePetrobras