Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Guedes diz que vai priorizar municípios com pré-sal

Equipe BR Político

O ministro Paulo Guedes (Economia) afirmou nesta tarde de terça, 14, que pretende usar os futuros recursos do pré-sal para inverter a “pirâmide brasileira”, em cujo topo figura a União e, na base, Estados e municípios. Para ele, o modelo de federalismo que precisa ser implantado no Brasil é aquele em que se deixará menos recursos com a União, “mais com os Estados e muito mais com os municípios”. Segundo ele, é “a única forma de você recompor a Federação brasileira porque o povo vive nos municípios”.

“A gente conta com o pre-sal e, ai sim, você vai atingir lá em baixo, os municípios. Nós temos de pegar esses recursos do pré-sal e inverter a pirâmide brasileira: 75% está lá em cima, aqui em Brasília e, lá em baixo, estão os municípios e Estados com 30%, 35%. Nós temos que inverter isso. Quando o dinheiro (do leilão de áreas do pré-sal) sair, nós, na margem, temos que fazer exatamente o contrário: vamos ter que deixar menos com a União, mais com os Estados e muito mais com os municípios.”, disse ele ao ser questionado sobre formas de compensar o Estado de Tocantins em audiência na Comissão Mista do Orçamento.

 

Tudo o que sabemos sobre:

pré-sal