Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Guedes pode antecipar cessão onerosa se Previdência avançar

Equipe BR Político

O governo estuda antecipar os recursos que serão recebidos com o leilão de petróleo do pré-sal para Estados e municípios, se houver indicação de que a reforma da Previdência será aprovada. O leilão está marcado para outubro. Esse é mais um aceno para angariar o apoio de governadores e prefeitos para a reforma da Previdência, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que uma das linhas em que o governo trabalha para ajudar os governos regionais é antecipar esses recursos, segundo o Estadão.

“Estamos falando de, no mínimo, R$ 4 bilhões podendo chegar a R$ 6 bilhões uma possível antecipação da cessão onerosa. Depende da capacidade de aprovação das reformas”, afirmou, após participar de reunião com senadores, nesta quarta-feira, 17. Guedes disse que só pode fazer “movimentos” de ajuda aos entes se tiver garantia de que as reformas serão aprovadas. “Sem as reformas, a União também está em dificuldades, e aí é um abraço de afogados, vai ajudar Estados e municípios como?”, afirmou.