Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Guerra pelo voto aberto continua

Equipe BR Político

A guerra pelo voto aberto na eleição para presidente do Senado continua. Na noite de ontem, o senador Lasier Martins entrou com um mandado de segurança no STF com pedido de liminar, para tornar o voto aberto na eleição dos próximos presidentes do Congresso, em fevereiro do ano que vem. A argumentação é que a  de que a Constituição não faz referência ao voto secreto nas votações do Legislativo e, portanto, exige o voto aberto.

Como o voto fechado é uma das cartas na manga para que Renan Calheiros seja reconduzido ao cargo, o emedebista reclamou. “O senador Lasier Martins – por sugestão de Tasso Jereissati – entra com pedido no STF para impor voto aberto na eleição de presidentes da Câmara e do Senado. Em português claro, é um parlamentar espancando a Constituição ao pedir a intervenção de um Poder no seu próprio Poder para constranger colegas”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

Lasier MartinsRenan Calheirossenado