Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Haddad: ‘Bolsonaro, ao que tudo indica, cometeu crime de responsabilidade’

Marcelo de Moraes

Adversário derrotado por Jair Bolsonaro no segundo turno das eleições de 2018, Fernando Haddad usou suas redes sociais para criticar sua atitude de divulgar pelo WhatsApp vídeos de mobilização para o protesto contra o Congresso e em seu próprio apoio, como foi revelado ontem pelo BRP. Para o petista, o presidente pode ter cometido “crime de responsabilidade”.

Foto: Gabriela Biló/Estadão

“Bolsonaro, ao que tudo indica, cometeu crime de responsabilidade previsto na Constituição que jurou respeitar mas, certamente, nunca leu”, escreveu Haddad em seu Twitter.