Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Inquérito contra Mercadante é arquivado em SP

Gustavo Zucchi

A Justiça Eleitoral decidiu arquivar o inquérito contra os petistas Aloízio Mercadante e Edinho Silva por supostos desvios nas eleições de 2010, quando Mercadante concorreu ao governo de São Paulo.

Os ex-ministros Edinho Silva e Aloízio Mercadante (governo Dilma)

Edinho Silva e Aloízio Mercadante. Foto: Filipe Araujo/Estadão

Ambos foram delatados pelo ex-executivo da Odebrecht Benedicto Junior, que disse ter pago R$ 1 milhão para campanha do petista. Segundo o promotor de Justiça Eleitoral Flávio Eduardo Turessi em sua decisão de arquivar o inquérito, não existem “provas de materialidade dos fatos narrados neste inquérito policial”. Ou seja, nem documentos, nem outras pessoas, corroboraram com a versão de Benedicto Junior dos fatos.