Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Interrogação para comandar a Funai

Equipe BR Político

A futura ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou nesta terça, 11, que o futuro governo ainda não bateu o martelo sobre quem vai presidir a Funai. “Vamos dar a atenção que merece para a Funai. Vai ser o último (a ser decidido) com certeza”, disse ela, no CCBB, em Brasília.

Na semana passada, um grupo indígena pediu a Jair Bolsonaro que a fundação fosse mantida sob o guarda-chuva do Ministério da Justiça. Ficará, no entanto, sob a responsabilidade da pasta da pastora e ex-assessora de Magno Malta. Damares é fundadora de uma instituição (Movimento Atini) que se apresenta com a missão de “promover a conscientização e a sensibilização da sociedade sobre a questão do infanticídio de crianças indígenas”.

Tudo o que sabemos sobre:

FunaiDamares Alves