Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Investigado, secretário de Saúde do Pará se afasta do cargo

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O secretário de Saúde do Pará, Alberto Beltrame, pediu licenciamento do cargo. Ele é investigado pela Polícia Federal por supostas fraudes na compra de respiradores pulmonares pelo governo estadual em meio à pandemia do novo coronavírus. Beltrame também renunciou à presidência do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

O ex-secretário de Saúde do Pará Alberto Beltrame. Foto: Wilton Júnior/Estadão

Em nota, ele afirmou que  tomou a decisão “para poder cuidar de minha saúde e me dedicar à defesa do meu maior patrimônio: a minha honra e dignidade”.

O anúncio da saída foi feito pelo governador Helder Barbalho (MDB), em vídeo publicado no Twitter na noite de quarta-feira, 1,. “A sociedade exige transparência e respostas e eu concordo com estas exigências. Não podemos ficar surpreendidos ou tentando correr atrás do prejuízo. Temos que retomar nosso rumo, o caminho que o governo vinha trilhando, que é o caminho do trabalho e da prestação de bons serviços ao povo paraense”, disse o governador.

O delegado da PF Rômulo Rodovalho foi anunciado como substituto de Beltrame no cargo. “O secretário assume com a tarefa de restabelecer a confiança do governo e de toda a sociedade paraense na gestão de algo tão fundamental para a gente, que é a saúde”, disse o governador.