Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

‘Irei demonstrar que as acusações contra mim são inverídicas’, diz Witzel

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, afirmou ter recebido a notícia da retomada da contagem do prazo para sua defesa na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) na noite desta segunda-feira, 6, e disse que as acusações contra ele são “inverídicas”. Witzel enfrenta um pedido de impeachment na Casa e tem agora o prazo de dez sessões para apresentar sua defesa à comissão que analisa o processo. “Irei demonstrar que as acusações contra mim são inverídicas e que a minha conduta é pautada pela ética”, afirmou.

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel Foto: Wilton Júnior/Estadão

O pedido foi motivado pelas denúncias de desvios de verba na área da saúde durante a pandemia. Nesta segunda-feira, 6, a Alerj aprovou a retomada do prazo para a apresentação da defesa do governador depois de uma paralização em 24 de junho, para que fossem prestadas informações sobre o caso de órgãos à comissão da Assembleia que analisa o pedido.

Tudo o que sabemos sobre:

Wilson WitzeldesviosimpeachmentAlerj