Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Jorge Oliveira sobre Renda Brasil: ‘Presidente se deparou com informações inverídicas’

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

O ministro Jorge Oliveira (Secretaria-Geral) tentou colocar panos quentes na decisão de Jair Bolsonaro de “sepultar” o Renda Brasil. Oliveira alegou que o presidente da República se deparou com “informações inverídicas” sobre sugestões da equipe econômica para remanejar o orçamento e viabilizar o novo benefício. “Hoje, o presidente se deparou com informações inverídicas sobre congelamento de aposentadorias e corte de auxílio para idosos, pobres e pessoas com deficiência”, disse o ministro palaciano em suas redes sociais. “Essa nunca foi uma opção para este Governo”, afirmou.

Como reforçou Bolsonaro nesta terça-feira, 15, o governo não gostaria de “tirar dos paupérrimos e dar aos pobres”. Na semana passada, o presidente já havia garantido a manutenção do Seguro Defeso, benefício dado aos pescadores artesanais durante o período de proteção de espécies para reprodução.