Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Justiça adia interrogatório de Aécio em caso de corrupção

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes adiou para o próximo dia 12, o interrogatório do deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) marcado para esta quinta-feira, 6.

Aécio Neves. Foto: Dida Sampaio/Estadão

A decisão foi dada ontem, quando Moraes também permitiu que o tucano tenha acesso integral às declarações prestadas em colaborações premiadas por diretores da Construtora OAS e da Santa Bárbara Engenharia em processos vinculados ao inquérito policial em que foi indiciado por corrupção e peculato. Os fatos dizem respeito à época em que Aécio governou Minas Gerais e envolvem a construção da nova sede oficial do governo.

A determinação do ministro atende a um pedido da defesa de Aécio que informou ao Supremo a negativa de acesso aos depoimentos que o incriminam pelo Juízo da Vara de Inquéritos Policiais de Belo Horizonte (MG).