Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Líder do Cidadania propõe corte de 20% em gasto dos 3 Poderes

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O líder do Cidadania na Câmara, deputado Arnaldo Jardim (SP), propôs nesta terça-feira, 24, que os gastos sejam reduzidos em 20% na administração pública federal, incluindo o Legislativo, Executivo e Judiciário. “Apenas nestas duas estruturas de Poder (Judiciário e Legislativo) poderíamos economizar mais de R$ 12 bilhões com os cortes. Há muita ‘gordura’ que pode ser eliminada em termos de gastos, que vão de salários à contratação de serviços supérfluos. É hora de o Estado servir mais efetivamente ao contribuinte. Neste instante, exigem-se medidas efetivas para acabar com determinados gastos”, justifica o parlamentar. Hoje, como você leu aqui no BRP, o médico Drauzio Varella fez uma apelo para que o governo federal e o setor privado distribuam cestas básicas à comunidades carentes. Do contrário, poderá haver convulsão social.

O deputado Arnaldo Jardim

O deputado Arnaldo Jardim Foto: Luis Macedo/Câmara dos Deputados

A ideia do deputado é poupar dos cortes investimentos em ciência e saúde. “Estima-se que o de desemprego no Brasil, por conta dos efeitos da pandemia, possa atingir 40 milhões de trabalhadores. Por conta disso, o Estado precisará injetar muito dinheiro na economia, principalmente, para salvar micro e pequenos empresários, o trabalhador informal e aqueles que, por ventura, perderem sua ocupação”, acrescentou.