Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Maia: ‘2ª instância não é única urgência que Brasil tem’

Equipe BR Político

Questionado sobre a possibilidade de obstrução de outras votações até que uma PEC sobre segunda instância seja votada na Câmara, em razão da urgência de colegas com a volta de Lula à prisão, Rodrigo Maia indicou que não vai ceder a pressões. “Não podemos de forma nenhuma achar que essa é a única urgência que o Brasil tem. É uma das. O trabalho da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) é melhorar o texto”, afirmou ao Estadão. Como lembra o presidente da Câmara, há “pessoas que acham que é mexer na interpretação do que é o trânsito em julgado. Uma outra tese é que poderia se mexer no recurso especial. Para gente seria muito fácil votar o artigo 5º, com urgência. E aí vai para o Supremo o quê? Uma matéria flagrantemente inconstitucional e vamos estar apenas empurrando apenas o problema para o STF”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

segunda instânciaLulaRodrigo MaiaSTF