Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Maia anuncia liberação de dados da reforma

Gustavo Zucchi

Após a polêmica sobre o sigilo imposto pelo governo a dados da reforma da Previdência, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, anunciou que, após reunião com o secretário especial da Previdência, Rogério Marinho, as informações estarão liberadas na quinta-feira, 25, antes do início dos trabalhos da Comissão Especial, mas depois da votação na CCJ. “Conversei com o Rogério Marinho e ele vai apresentar nesta quinta-feira os números que embasam a proposta antes da instalação da Comissão Especial”, disse.

A liberação significa mais uma concessão do governo pela reforma, além das previstas sobre aposentadoria rural e o BPC. Como informou mais cedo o BR18, o governo temia que a oposição usasse os dados para fazer prosperar um discurso, na véspera das comemorações do Dia do Trabalhador, de que o governo Jair Bolsonaro impõe perdas à classe trabalhadora.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo MaiaRogério Marinhoprevidência