Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Maia: ‘DEM e PSDB estarão juntos em 2020 e em 2022’

Marcelo de Moraes

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (RJ), afirmou nesta terça, 20, que DEM e PSDB estarão juntos nas eleições municipais de 2020 e nas eleições nacionais de 2022. A declaração de Maia foi dada ao lado do governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e do presidente nacional tucano, Bruno Araújo (PE), logo depois da apresentação do deputado Alexandre Frota (SP) como novo filiado do PSDB.

A declaração de parceria surpreende pelo momento em que é feita, mas tem total lógica política. Doria e Maia se aproximaram politicamente nos últimos tempos e os dois partidos têm afinidade histórica, como o próprio presidente da Câmara lembra: “Tirando 1989, quando votei em Brizola no primeiro turno e em Lula no segundo, sempre votei no PSDB para presidente. Votei em Fernando Henrique, no Serra, no Geraldo, no Aécio e no Geraldo de novo”. Mas o movimento de Maia deflagra uma aproximação política mais profunda para a sucessão presidencial de Jair Bolsonaro, já que não é segredo para ninguém a disposição de Doria em concorrer ao Planalto. Como Maia é um nome que também cresceu nesse jogo sucessório pelo seu desempenho à frente da Câmara e na condução da votação das reformas, uma aliança entre os dois políticos cria a possibilidade de uma candidatura de centro-direita muito forte. / Marcelo de Moraes

Assine o BR Político para ter acesso a produtos e informações exclusivos. Clique neste link para se tornar um assinante.

Tudo o que sabemos sobre:

MaiaJoão Doria