Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Maia diz que não haverá concessão para policiais

Equipe BR Político

Ao chegar na Câmara dos Deputados para o início da sessão da Comissão Especial que votará a reforma da Previdência, o presidente da Casa, Rodrigo Maia, disse que o processo de votação começará hoje e, caso não consiga ser encerrado, será complementado amanhã. Ele disse que não houve acordo entre as lideranças sobre a situação dos policiais federais, ao contrário do afirmado por líderes do Congresso. “Uma concessão a policiais poderia gerar efeito cascata”, disse Maia, após reunião com Moreira e o presidente da comissão especial , Marcelo Ramos (PL-AM).

Maia disse também que o texto não deverá ter nenhuma menção à situação dos Estados e municípios. “Se não conseguir chegar no mérito hoje, fica para amanhã. A comissão deve encerrar os trabalhos nesta semana”, completou.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo Maiareforma da previdência