Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Maia pede que Poderes ajam ‘em harmonia e com espírito democrático’

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), usou sua conta do Twitter, nesta noite de domingo, para apelar por “seriedade e diálogo das lideranças do País”. No meio de uma turbulência política entre governo e Legislativo, agravada depois que o presidente Jair Bolsonaro pediu a participação popular na manifestação do dia 15 a seu favor e contra Congresso e Judiciário, Maia não esconde sua preocupação com o impacto que a crise econômica internacional, causada pelo coronavírus, pode provocar no Brasil.

Além disso, a economia brasileira deverá enfrentar uma segunda-feira difícil por conta da queda forte do preço do petróleo, causado pela disputa entre Rússia e Arábia, que já começou a afetar os mercados internacionais. Maia acha que essa é a hora de haver um entendimento no País para evitar que o impacto sobre o Brasil seja danoso.

“O cenário internacional exige seriedade e diálogo das lideranças do País. A situação da economia mundial se deteriora rapidamente. O Brasil não vai escapar de sofrer as consequências dessa piora global. É preciso agir já com medidas emergenciais”, afirmou.

O presidente da Câmara também afirmou que o “Congresso está pronto para avançar com as reformas necessárias capazes de reestabelecer a confiança”.

“Se agora os poderes da República agirem em harmonia e com espírito democrático, esta crise pode virar uma oportunidade de se somar forças em busca das soluções necessárias e urgentes”, concluiu.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo Maia