Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Maia: ‘Zerar Imposto de armas é uma distorção de prioridades por parte do governo’

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, criticou a importância dada pelo governo à redução a zero da alíquota para importação de armas. Para ele, o governo erra nas prioridades que escolhe, quando devia estar cuidando preferencialmente do combate ao Covid-19.

“As pessoas estão perdendo as vidas para o Covid-19, o número de infectados aumentando, hospitais sem leitos de UTI e o que vemos é a preocupação do governo em isentar de imposto a importação de armas. Parece que há uma distorção de prioridades ou, simplesmente, uma falta de prioridade. Essa falta de prioridades do que realmente é urgente aos brasileiros nos deixa perplexos”, reclamou Maia.

Tudo o que sabemos sobre:

Rodrigo MaiaArmas