Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Major Olímpio aponta falhas na articulação

Equipe BR Político

Para o líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), o atraso na tramitação da PEC da reforma da Previdência na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) se deve por falha dos responsáveis pela articulação. Segundo ele, “eles dizem que estão articulando”, no entanto, na outra ponta, os parlamentares apontam que não há diálogo. “Impossível o cara dizer que está vendendo e as pessoas falarem que não estão tendo de onde comprar”, comparou o senador em entrevista à rádio Eldorado na manhã desta terça-feira, 23. Segundo ele, o presidente Jair Bolsonaro está fazendo a sua parte na articulação, inclusive na cobrança para que seus ministros sejam mais atuantes.

Sobre o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que vem sendo apontado como o segundo principal culpado pela desarticulação da base e, por consequência, pelo atraso no caminho da PEC, o líder disse que “não tenho interlocução com ele”. O Major reconheceu o trabalho da oposição que, segundo ele, “tem se mostrado bastante eficiente”, diferentemente do PSL, que ainda precisa “falar a mesma língua”.