Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Marinho pede e ganha proteção policial de Witzel

Gustavo Zucchi

Exclusivo para assinantes

O empresário Paulo Marinho terá proteção policial após a entrevista na qual faz denúncias contra Flávio Bolsonaro. Ele fez o pedido para o governador do Rio, Wilson Witzel e “após uma criteriosa avaliação das autoridades” terá PMs guardando a si e a sua família. “Em função de novas circunstâncias surgidas nas últimas horas, solicitei ao governador do RJ proteção policial à minha família e, após criteriosa análise das autoridades envolvidas, fomos atendidos. Seguiremos firmes lutando pela verdade e pelo Brasil. Obrigado”, escreveu.

Marinho revelou em entrevista para a Folha deste domingo que um delegado da PF avisou ao então senador eleito Flávio Bolsonaro sobre a operação policial que iria atrás de Fabrício Queiroz. Ele também teria dito que a ação foi adiada para que não prejudicasse Jair Bolsonaro no segundo turno das eleições de 2018.