Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

MEC acumula polêmicas, recuos e demissões

Equipe BR Político

Em menos de três meses, já chega a 15 o número de exonerações no MEC. Além, é claro, de medidas polêmicas e de seis recuos contabilizados pelo Estadão. Nos espaços que ficaram vagos por conta das demissões, Vélez tem tido até dificuldade de encontrar quadros para colocar nas vagas. Nesta terça, o ex-aluno do ministro Alexandro Ferreira de Souza passou a acumular duas secretarias.

Segundo especialistas em gestão pública de educação, o recente recuo em relação a avaliação da alfabetização, mostrou mais uma vez o amadorismo e a falta de articulação do MEC no governo de Jair Bolsonaro. “Tudo isso cria uma situação de muita instabilidade e insegurança na gestão educacional, todo mundo fica na expectativa de qual o próximo fato que vai acontecer”, afirma a ex-secretária de Educação do Rio Grande do Sul Mariza Abreu.

Tudo o que sabemos sobre:

MECacumulapolêmicasrecuosdemissões