Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Empenho pelo megaleilão do pré-sal

Equipe BR Político

Os governadores das Regiões Norte e Nordeste tiveram uma reunião com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que foi madrugada adentro, nesta terça-feira, 1,  para negociar o plano de redistribuição dos recursos da cessão onerosa no megaleilão do pré-sal — previsto para acontecer no dia 6 de novembro — de acordo com os critérios elaborados pelo Senado.

Maia sugeriu que os governadores realizem esforços a partir da próxima semana para garantir que os deputados participem das sessões extras às segundas e sextas-feiras, dias de costumeiro baixo quórum de parlamentares em Brasília, a fim de que seja possível chegar a um consenso ainda antes do começo de novembro.

Os governadores Waldez Góes, Fátima Bezerra, João Azevêdo, Renan Filho e Wellington Dias com Rodrigo Maia

Os governadores Waldez Góes (PDT-AP), Fátima Bezerra (PT-RN), João Azevêdo (PSB-PB), Renan Filho (MDB-AL) e Wellington Dias (PT-PI)  ficaram até a 1 da madrugada de hoje, 1, com Rodrigo Maia. Foto: Governo do Rio Grande do Norte

Nesta terça, após almoço com o ministro da Economia, Paulo Guedes, o senador Wellington Fagundes (PL-MT)- que não participou das conversas de ontem na casa de Maia – relatou que o ministro prometeu dividir os recursos do bônus do leilão da cessão onerosa igualitariamente entre Estados e municípios. Segundo o parlamentar, Guedes se comprometeu a deixar um terço do recurso para cada um dos entes federativos .

Fagundes disse ainda que Guedes prometeu o pagamento de R$ 4 bilhões a Estados e municípios referentes ao FEX (auxílio para fomento das exportações) e à Lei Kandir, segundo o Broadcast Político.