Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Meirelles pede inclusão de propostas estaduais a tributária

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O secretário da Fazenda de São Paulo e ex-ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, defendeu que a discussão da reforma tributária considere as propostas dos Estados e do Distrito Federal nesta terça-feira, 21, em audiência da comissão mista que acompanha as ações do governo durante a pandemia. Desde o ano passado, secretários e governadores pleiteiam fatia maior para os Estados da arrecadação federal para compensar as mudanças trazidas por um novo modelo de tributação sobre o consumo proposto pelas reformas tributárias que tramitam no Congresso.

O secretário da Fazenda do Estado de SP, Henrique Meirelles

O secretário da Fazenda do Estado de SP, Henrique Meirelles Foto: Andé Dusek/Estadão

“Os Estados formalizaram e apresentaram um substitutivo no Senado e um substitutivo na Câmara e me parece de fundamental importância que esse substitutivo seja analisado e se possível seja aprovado, particularmente no que diz respeito ao ICMS e ao ISS”, afirmou. As propostas em discussão nas Casas propõem a união de cinco tributos: PIS, Cofins, IPI, ICMS estadual e ISS municipal em um único imposto.

A discussão da reforma tributária foi retomada na semana passada no Congresso e nesta terça o governo apresenta a sua proposta ao Congresso.