por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Menos 50 anos em um

O investimento público no Brasil é o pior em 50 anos. O fundo do poço chegou em 2017, diante da necessidade de aperto fiscal para equilibrar as contas: foi investido apenas 1,17% do PIB.

O dinheiro aplicado por Estados, governos e municípios não foi suficiente nem para a manutenção da infra-estrutura já existente. Reportagem do Estadão mostra que o grau de investimento depende dos ciclos políticos: ele tende a aumentar em períodos eleitorais.