Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Milton Ribeiro diz que Bolsonaro ‘se expôs politicamente’ ao nomeá-lo 

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O ministro da Educação, Milton Ribeiro, afirmou nesta terça-feira, 15, que o presidente Jair Bolsonaro se “expôs politicamente” ao nomeá-lo à Pasta. Ribeiro, que fez uma de suas primeiras aparições oficiais no comando no Ministério no evento de divulgação dos dados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de 2019, disse também que “não está fazendo pregação” à frente da Pasta.

“Eu não sou de partido nenhum, não represento grupo nenhum, nem tampouco o grupo evangélico. Ele pagou o preço de colocar alguém que nem conhecido era, um pastor como sou, embora eu não esteja aqui fazendo pregação, a minha visão é outra sobre o meu trabalho. Ele se expôs politicamente ao me colocar ali”, disse durante o evento. Depois da repercussão de vídeos antigos em que defendia ideias como a de educar crianças “com dor”, o ministro tem tentado se descolar da imagem que gerou polêmica e negado a posição.

Ribeiro afirmou no fim de seu discurso que pretende encampar uma discussão sobre salários de professores em outubro. O ministro disse que o assunto é “um grande mito”. “Gostaria de mudar um pouco o eixo do MEC e dar atenção um pouco mais perto aos professores”. “Um professor bom embaixo de uma árvore impacta a vida de uma criança, de um aluno e é isso que a gente precisa. Capacitar os nossos professores e valorizá-los. Eu não posso entender um professor tendo que dar aula de manhã, de tarde e de noite para ter um sustento mínimo e digno para a sua família.”

Tudo o que sabemos sobre:

Milton RibeiroJair BolsonaroMEC