Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Marcelo de Moraes

Mínimo sem ganho real

Marcelo de Moraes

Exclusivo para assinantes

Parlamentares de oposição já criticam abertamente o valor fixado pelo governo para o novo valor do salário mínimo. Pelas redes sociais, Jair Bolsonaro anunciou a edição de uma medida provisória passando o mínimo de R$ 1.045 para R$ 1.100, com validade a partir de 1º de janeiro.

Para o deputado federal Bohn Gass (PT-RS), o reajuste dado pelo governo está abaixo do que deveria ser dado para garantir a reposição das perdas causadas pela inflação.

“Para que tivesse algum ganho real, o salário mínimo deveria ser de, ao menos, R$ 1.111. Bolsonaro manteve a política de Temer que roubou o poder de compra do salário mínimo. Então, não há qualquer bondade no decreto de R$ 1.100 que ele fez. É mais uma de suas enganações”, afirma o deputado.

Tudo o que sabemos sobre:

salário mínimoBohn Gass