Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ministério Público do Amazonas pede à Justiça que Manaus adote lockdown

Equipe BR Político

Exclusivo para assinantes

O Ministério Público do Amazonas (MPAM) entrou com uma ação na Justiça pedindo que os governos do Estado e do município de Manaus implementem lockdown na capital amazonense. O pedido foi feito na terça-feira, 5, e objetiva a contenção dos efeitos do novo coronavírus no sistema de saúde do Estado. O prazo sugerido pelo MPAM é, inicialmente, de 10 dias.

Funcionário desinfecta regiões do porto em Manaus por causa do coronavírus

Funcionário desinfecta regiões do porto em Manaus por causa do coronavírus Foto: Bruno Kelly/Reuters

De acordo com a última atualização do Ministério da Saúde, o Amazonas registra 8.109 casos confirmados da covid-19 e 649 óbitos pela doença.

“O Ministério Público do Estado do Amazonas entende que o lockdown é a única forma que nós temos, hoje, de achatar essa curva da covid-19 em Manaus. A ascendência dessa curva é incontestável”, afirmou a Procuradora-Geral de Justiça, Leda Mara Nascimento Albuquerque. No texto da ação, ela afirma que a medida se faz “necessária e urgente” para manter o isolamento social das pessoas “que ainda não se conscientizaram da gravidade do momento que nós estamos vivendo”.