Imagem da Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

por Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Ministro ‘de costas’ para a plateia

Equipe BR Político

Um fato curioso chamou atenção na cerimônia de entrega do diploma eleitoral ao presidente eleito, Jair Bolsonaro, nesta segunda-feira, 10: o ministro do TSE Admar Gonzaga Neto ficou de costas para a plateia formada por 700 autoridades e convidados, durante a execução do hino nacional brasileiro. Admar voltou-se para a bandeira nacional, hasteada no plenário do tribunal, assim que o hino começou a tocar.

Ao Globo, Admar explicou o motivo de seu ato solitário. “Eu sempre canto o hino olhando para a bandeira. Aprendi nas aulas de educação moral e cívica no Colégio Santo Inácio e na Escola Alferes Tiradentes, em Florianópolis, onde sempre cantávamos o hino nacional antes de entrar em sala”, disse.